Sábado, 24 de Outubro de 2009

Esta semana deu-se finalmente um salto significativo na afunilação do conceito do meu projecto, que seria invariavelmente um de dois ramos possíveis. Escrevo este post tardiamente por esse mesmo motivo, visto que só ontem discuti com a minha colega Marília a divergência de estudo que o projecto tomará a determinado nível.

 

Assim sendo, a minha questão central necessitará de se focar principalmente no uso destes quiosques multimédia personalizados enquanto instalações públicas, não contidas num mero ecrã de computador. Se tudo correr bem, este quiosque tomará as dimensões de uma instalação indoors, talvez sob a forma de projecção controlada, e o estudo centrar-se-à na utilização dos mesmos tendo em conta o seu propósito mais "personalizado" naquele determinado contexto.

 

Mas mais detalhes num futuro post. Para já, ficam alguns autores de referência sobre esta temática. Começando de uma forma mais geral, o trabalho de William (Bill) Buxton sobre HCI (Human-Computer Interaction) é um excelente ponto de partida sobre a investigação relacionada com a interacção. Buxton disponibiliza uma série de artigos sequenciais no seu manuscrito e uma excelente retrospectiva histórica dos dispositivos e respectiva evolução dos dispositivos multi-touch.

 

Ainda no campo da interacção, destaco o artigo de Benko, H., Wilson, A. D., & Baudisch, P. (2006), intitulado "Precise Selection Techniques for Multi Touch Screens", que especifica detalhadamente os problemas (e boas práticas) associadas e intrínsecas à manipulação com os sistemas multi touch.

 

Numa vertente mais aplicada ao meu caso de estudo, encontrei também um artigo de Churchill, E. F., Nelson, L., Denoue, L., Helfman, J., & Murphy, P. (2004),  "Sharing Multimedia Content with Interactive Public Displays: A Case Study", que nos fala dos displays interactivos que encontramos nos locais públicos, como é utilizada a partilha de informação em contexto social, e como a comunidade lida neste contexto com a questão da privacidade, que eu acho muito interessante.

 

Destaco ainda o trabalho de Vogel, D., & Balakrishnan, R. (2004), com o artigo Interactive Public Ambient Displays: Transitioning from Implicit to Explicit, Public to Personal, Interaction with Multiple Users. Estre artigo dá prioridade às questões relacionadas com o consumo de informação nestes terminais em ambientes públicos, nomeadamente quanto ao consumo de informação pessoal em contexto público. É particularmente interessante a definição de vários tipos de interacção activa e passiva neste tipo de ambientes.

 

Quanto a implementações práticas de toda esta teoria,  refiro novamente o senhor que é já considerado o pai dos sistemas multi touch, embora com um trabalho recente, e que muito tem feito para potenciar a utilização e dinâmica destes sistemas; Jeff Han, cuja apresentação do seu sistema "Perceptive Pixels" pode ser encontrada aqui.




Who?
Ricardo Magalhães, taking a master's degree in Multimedia Communication (08-10)
What?
PontoUA: Interaction and Interface in a Public Interactive System, oriented by Prof. Luis Pedro
Most recent

Apresentação da Defesa de...

O Ponto Final

PontoUA wrapped up!

Apresentação Plano Invest...

Balanço do 1º Semestre

Methodological Design

Timeframe and Expected Re...

Exercício Seminário - Ent...

Project's Activity - Org...

Índice do Enq. Teórico

Archive

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Agosto 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Filed under

todas as tags

Last.FM
blogs SAPO
Subscride feed